Sport x Vasco Palpite

Sport x Vasco – Brasileirão Série A: Na Ilha do Retiro, Sport e Vasco da Gama medem forças pela 21ª jornada.

Sport x Vasco –O Leão da Ilha vem de sequência invicta no Campeonato Brasileiro. Depois de quatro reveses consecutivos, não foi derrotado nas últimas três rodadas.

Neste período empatou fora de casa com Atlético Mineiro e Ceará, e venceu, em casa, o Athletico Paranaense. É importante ressaltar a melhora do sistema defensivo, que não foi vazado em nenhuma dessas partidas. Mesmo contra o poderoso ataque do Galo, no Mineirão, não sofreu gols.

Esta melhora da defesa passa por um jogador específico: o goleiro Luan Polli. Polli tem 27 anos e é natural do estado de Santa Catarina. Foi revelado pelo Figueirense e passou pela base do Flamengo, pelo Boa Esporte e pelo Naxxar Lions (de Malta) antes de chegar no Sport.

Foi o titular na reta final da Série B 2019 (quando o Leão foi vice-campeão), mas perdeu posição para o jovem Maylson no início de 2020. Recuperou a vaga com a chegada do treinador Jair Ventura e não saiu mais do onze inicial.

Luan Polli vem fazendo defesas excepcionais a cada rodada e foi o principal responsável pelos empates no Mineirão e no Castelão. E olha que o Sport merecia ter perdido ambas partidas, principalmente contra o Ceará.

No empate em 0x0 com o Vovô, Jair Ventura arquitetou plano de jogo reativo, com dobra de laterais pela esquerda e cinco homens na primeira linha de defesa. Ainda, mandou seu time a campo sem atacantes, com o jogador mais avançado sendo o meia Thiago Neves (que no Sport joga como “segundo atacante”).

Achei completamente desnecessária esta opção por um jogo tão defensivo, afinal o Ceará estava desfalcado do seu principal jogador (Vina). E não é como o Ceará fosse um time muito melhor que o Sport. Não é. O Leão poderia ter feito um jogo mais corajoso no Castelão. Deixou péssima impressão ao finalizar, em 90 minutos, apenas quatro vezes (contra 26 do Vozão).

Livestream de Jogos ao Vivo

A opção de Jair Ventura pela dobra de laterais (Junior Tavares e Sander) pela esquerda não se provou acertada. O conjunto pernambucano deixou muitos espaços às costas dos laterais e volantes e demorou pra se acertar na marcação. O pior de tudo é que não conseguia gerar perigo via contra-ataques, já que simplesmente não tinha profundidade.

Como você entra num jogo que vai executar proposta reativa sem a presença de atacantes de velocidade?! Não sei responder. O Sport conta com bons atacantes no elenco, mas Ventura não quis escalar nenhum. Preferiu entrar com Ricardinho (ex Guarani), Lucas Mugni (ex Flamengo), Jonathan Gómez (ex CSA) e Thiago Neves (ex Cruzeiro) por dentro, e com Sander e Ewerton mais abertos.

Pior que o onze inicial foram as alterações. Num claro sinal de que estava satisfeito com o 0x0, Jair Ventura, durante a partida, promoveu as entradas de Rafael Thyere (zagueiro, ex Grêmio), Ronaldo Henrique (volante, revelação da base) e Márcio Araújo (volante, ex Flamengo e Palmeiras).

Como dá pra ver, não gostei nada da escalação e da proposta de jogo escolhida para a partida no Castelão. Achei o Sport covarde. Para este próximo compromisso frente ao Vasco, espero uma postura completamente diferente por parte do Rubro-Negro, que estará jogando no seu estádio contra um adversário direto da luta contra o Z-4.

Os atacantes Leandro Barcia e Marquinhos provavelmente voltarão ao time titular, assim como Patric. As ausências mais sentidas serão as de Luan Polli (suspenso) e de Marcão Silva (lesionado).

O Vasco da Gama vive péssima fase na Série A. Não vence desde o dia 13 de setembro (quando bateu o Botafogo por 3×2, no Nilton Santos) e acumulou sete derrotas nos últimos nove jogos pelo torneio. Com esta má campanha, é inevitável que ocupe uma posição ruim na tabela classificativa. Na 18ª posição com 19 pontos, precisa reagir o quanto antes para evitar o quarto rebaixamento à Série B em sua história.

Na derrota mais recente, em São Januário, nas mãos do Palmeiras, o Vasco “estacionou o ônibus” na frente do gol defendido por Fernando Miguel e ali ficou durante os 90 minutos. O técnico Ricardo Sá Pinto escalou sua equipe com uma linha defensiva formada por cinco jogadores (Léo Mattos, Neto Borges, Leandro Castán, Ricardo Graça e Miranda) e tinha o objetivo claro de não permitir espaços para as constantes movimentações de Luiz Adriano, Rony e Gabriel Veron.

A estratégia defensiva deu certo até a reta final da segunda etapa, quando Miranda cometeu falta em Lucas Lima dentro da área e o juiz assinalou pênalti. Luiz Adriano converteu e decretou mais uma derrota do Cruz-Maltino.

Em fase ofensiva o Vasco continua muito mal. Mesmo com a presença de Benítez e Germán Cano, os volantes Andrey e Leonardo Gil não conseguem entregar um bom futebol. A transição curta é deficiente e o time sofre demais para ultrapassar as linhas de marcação adversárias. Talles Magno já não é aquele jogador decisivo que foi em 2019 e não entrega um bom futebol há muito tempo.

Para este próximo embate diante do Sport, Ricardo Sá Pinto não poderá contar com o volante Carlinhos. Carlinhos contraiu Covid-19 e estará de fora também da partida contra o Fortaleza, no próximo meio de semana. A boa notícia é que poderá relacionar o mais novo reforço, o zagueiro Jadson (ex Portimonense).

Aposte no Sport x Vasco Brasileirão Série A na 1xbet e aproveite o bônus de 500 REAIS

Palpites e Dicas de Sport x Vasco :

Conclusão: o Sport vem de uma partida onde se comportou de forma medrosa e o seu treinador, Jair Ventura, foi muito criticado pelas escolhas feitas no Castelão. Com certeza vai jogar de forma completamente diferente neste próximo jogo contra o Vasco, que será realizado no seu estádio.

O Vasco da Gama vem em péssima fase e, à exemplo do que fez na partida contra o Palmeiras, deverá jogar de forma reativa na Ilha do Retiro. Acredito que se fechará bem e muito dificilmente terá sua defesa vazada, ao menos no primeiro tempo.

PALPITE E DICA

ODD

CASA

Menos de 2.5 gols
1.66
1xbet
Gostaste de nosso conteúdo? Então se registre em nosso canal no Youtube e assiste aos nossos Lives. Entra nas nossas redes sociais Facebook, Twitter e ainda tem nosso Canal do Telegram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Casas de Apostas
3,3 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 777 reais.
5,0 rating
Bônus de 100% do depósito até um máximo 1200 Reais. Código Promocional para aceder ao Bônus : 1x_87120
5,0 rating
O bônus de boas vindas da casa oferece bônus de 100%. Depósitos de valor igual ou superior a 20 reais e um máximo de bônus de 200 reais.
3,8 rating
Bônus de boas vindas é um bônus de 100% até um máximo 400 reais. Código Promocional para aceder ao Bônus: FWB200
4,3 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 600 reais.
3,5 rating
Bônus de depósito de 50% até um máximo de 500 reais. Depositando um mínimo 50 reais, você recebe 50% do valor do depósito.
4,0 rating
Bônus de 50% de bônus Depositou 10, recebe outros 5, 50 recebe outros 25, e assim sucessivamente até um máximo de 200 reais
3,8 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 200 reais.
Ultimos Artigos