Melhores Apostas Esportivas, Prognósticos e Bônus – Apostaganha Brasil

Palpites e Dicas de Apostas Anthony Hamilton vs Adam Wieczorek – UFC

Anthony Hamilton vs Adam Wieczorek – UFC: O card preliminar tem também um confronto entre pesos-pesados…

Que irão debater qualidades no octógono. Anthony Hamilton viaja para a Polónia para enfrentar o estreante no UFC e homem da casa, Adam Wieczorek.

Anthony Hamilton de 37 anos estará neste sábado a fazer provavelmente uma das suas últimas lutas da carreira.

Nascido para os desportos de combate no wrestling, enveredou por uma carreira no MMA que culminou em ponto alto com a conquista do cinturão dos pesados no Maximum FC, uma promoção americana de menor envergadura.

O salto do homem da Jackson-Wink para o UFC estava logo ali e passado três anos da sua estreia no octógono um cartel de apenas três vitórias em nove lutas deixam transparecer algum desapontamento incrementado pelas mais recentes performances,

três derrotas consecutivas e todas com finalizações.

Talvez se antecipando a um possível corte do “roster” da organização, Hamilton chegou a falar em ser a altura de abandonar,

mas uma chamada de Sean Shelby a três semanas do UFC Gdansk fez Hamilton reconsiderar e entrar em última hora para defrontar Wieczorek na Polónia.

Adam Wieczorek de 25 anos é mais um dos prospetos que o UFC traz da Europa, desta feita para preencher a divisão de pesados.

Um cidadão de 1,95m, Wieczorek tem percorrido promoções de luta polacas nos últimos anos com relativo sucesso e atualmente soma sete vitórias consecutivas todas elas alcançadas com finalizações, sendo a maioria por submissão.

A única derrota que sofreu até ao momento foi às mãos do compatriota Marcin Tybura, também ele hoje em dia no UFC,

quando foi amassado pelas constantes quedas que Tybura lhe aplicou que através dum soberbo controlo de solo no topo acabou por arrancar a decisão unânime.

Os “oddsmakers” não foram simpáticos com Halmiton que apesar da maior experiência de MMA de alto nível, aparece aqui como o “underdog”. Se olharmos ao contexto é realmente difícil argumentar aqui a favor do “Freight Train”. Sofreu um TKO há cerca de um mês,

vem com três derrotas consecutivas, aparenta ter um queixo suscetível e chegou a falar em aposentadoria no Twitter logo após ter sido derrotado em setembro passado na cidade de Pittsburgh.

Olhando mais de perto para o “skill set” de cada lutador e pressupondo de que forma poderão encaixar os estilos de luta, temos um Hamilton com essencialmente um wrestling e jogo de quedas evoluído,

mas que muitas vezes é curto para o norte americano sobreviver porque simplesmente tem um cardio sofrível que acaba por minar a sua capacidade ofensiva de bater em força o oponente. Enquanto aguenta o ritmo,

Hamilton usa muito bem a posição de domínio lateral e meia guarda para amassar o adversário usando o seu peso e possuí um “ground n’pound” mortífero. Quando o “gás” acaba, à semelhança de muitos pesos-pesados,

a capacidade de dominar corporalmente o oponente diminui drasticamente assim como baixa a altura da proteção da guarda de mãos.

Automaticamente as probabilidades, já de si altas, de ser nocauteado aumentam exponencialmente, como aliás vem sendo apanágio nesta reta final de carreira do americano.

Wieczorek como qualquer lutador de peso-pesado, apresenta um perigo constante de nocaute ao adversário, mas não é para mim essa a sua maior qualidade.

Wieczorek também gosta de levar a luta para o chão para ou submeter com o que lhe aparecer à mão,

seja um mata-leão ou uma chave de braço, ou para castigar com socos descendentes, mas ainda assim apresenta uma defesa de quedas deficiente e inferior na minha opinião à do norte americano.

A nível de striking o polaco baseia-se bastante no seu jab de esquerda e em golpes simples e pouco polidos o que fortalece a minha opinião de que Hamilton pode passar “vivo” a primeira metade do combate.

Se Hamilton evitar a confrontação de golpes e optar por usar muita esgrima corpo a corpo, usando as suas bases de wrestling,

tenho convicção em como Wieczorek vai aceitar esse terreno de luta porque o mesmo também se sente confortável a fazê-lo e isso poderá no meu ponto de vista favorecer a que se ultrapasse a linha do over de rounds.

Palpites e Dicas de Apostas Anthony Hamilton vs Adam Wieczorek :

Em condições normais de valor de cada atleta, vejo o norte americano como o melhor lutador e mais trabalhado,

mas sem condições físicas potenciadas por chegar à luta em última hora, para levar de vencida um polaco mais novo e fresco e teoricamente com durabilidade superior para enfrentar 15 minutos de ação

Perante isto vou-me afastar do moneyline e escolher um mercado alternativo e com um risco que aceito. Vejo um combate a atingir a parte final do segundo assalto ou mesmo um terceiro cobrindo assim a linha do 1,5.

Prognóstico para Apostas Odd Un Casa de Apostas Estado
Over 1,5 rounds
2.27
10
10bet Devolvida

Adicionar um comentário

Este e-mail já foi cadastrado. Usa Forma de entrada ou introduze outro.

Digitou login ou senha incorreta

Desculpe, para comentar precisa de entrar no site.