A jogadora de vôlei de praia, Carol Solberg, proferiu palavras de insatisfação, contra o presidente da República, Jair Bolsonaro. O fato ocorreu na protocolar sessão de entrevista, ocorrida após as partidas.

ATITUDE POLÊMICA MARCA RETORNO DE COMPETIÇÕES OLÍMPICAS

Na última semana, tivemos um marco importante para o esporte brasileiro. O esporte olímpico brasileiro, tem tido seu retorno gradualmente, após muitos meses de paralisação das competições no país.

Em um país onde o futebol é o esporte mais valorizado pelo seu povo, parecia que as demais modalidades entraram em esquecimento, principalmente após o retorno das ligas de futebol.

Tivemos a primeira etapa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, que é um importante passo para as Olimpíadas, que acontecerá em 2021, se tudo ocorrer bem até lá.

A primeira etapa aconteceu em uma espécie de “bolha”, criada no Centro de Desenvolvimento de Voleibol, no Rio de Janeiro. As vencedoras da etapa foram a dupla Ana Patrícia e Rebeca, porém, o centro das atenções se voltou para a disputa do terceiro lugar, mais precisamente, após o duelo entre Carol e Talita, contra Josi e Juliana.

A atleta vencedora do terceiro lugar, Carol Solberg, em entrevista ao canal SporTV, ao final da sua fala proferiu as seguintes palavras: “Só para não esquecer, Fora Bolsonaro”.

ATITUDE POLÊMICA MARCA RETORNO DE COMPETIÇÕES OLÍMPICAS

A atitude de Carol foi surpreendente, e na mesma intensidade, polêmica. Em um momento importante para a modalidade olímpica, após a etapa de reabertura da temporada, a atenção estava voltada a elas, e a visibilidade de sua manifestação atingiu. Certamente, o seu objetivo.

A polêmica é enorme, e nesta segunda-feira, Carol Solberg e sua manifestação contra o presidente, é um dos assuntos mais citados na internet, gerando mais uma onda de debates acalorados entre os pró e contra Bolsonaro, esquerda e direita, e assim por diante.

A CBV SOLTOU UMA NOTA DE REPÚDIO

A Confederação Brasileira de Vôlei, soltou uma nota de repúdio sobre a manifestação de Carol Solberg, na primeira etapa do circuito brasileiro.

Em resumo, a entidade máxima da modalidade, se expressou contrária a utilização do evento por ela criado, para qualquer tipo de posicionamento político. A mesma, reiterou que não condiz com a atitude ética a qual a entidade e os atletas devem zelar.

A CBV entende que esta etapa era muito importante, por marcar o retorno das competições de esportes olímpicos, e foi manchada por uma declaração polêmica. Para encerrar a nota, a CBV informou que está avaliando possíveis medidas cabíveis.

Carol Solberg, em entrevista ao blog Olhar Olímpico, do portal UOL, disse que esse “Fora, Bolsonaro” estava engasgado na garganta.

Se referiu às queimadas no Pantanal, às mais de 140 mil mortes por Covid-19 no país, e que ela, enquanto atleta, deveria se posicionar.
Fica agora a expectativa, se haverá alguma retaliação por parte de CBV. A internet, os brasileiros em geral, se dividem.

CAROL USOU DE SEUS DIREITOS OU PASSOU DOS LIMITES?

A polêmica é realmente muito grande. Carol Solberg, ao se posicionar, trouxe para ela, o amor dos opositores do atual governo, e consequentemente o ódio daqueles que defendem Bolsonaro.

Para os defensores, a atleta estava em seu direito de expressão, em um espaço concedido pela emissora. Muitos atletas, ao longo de toda a história, fizeram de sua condição quanto destaque e formador de opinião, uma arma para críticas sociais.

Carol é contra o governo, e sua família é declaradamente oposição a Bolsonaro. Sua mãe, a ex-atleta de vôlei de quadra, Isabel Salgado, fez campanha para o adversário de Bolsonaro, nas eleições de 2018, publicou vídeo contra o presidente, e ainda divulgou uma carta aberta, criticando a ex-colega, Ana Paula Henkel, que se colocava a favor do governo.

No Twitter, uma rede social que exala ódio e discussões, esse tema vem fervendo debates. Um dos argumentos, é de que a própria CBV, em 2018, disse defender o direito de expressão, após Maurício Souza e Wallace, em uma etapa da Liga Mundial de Vôlei, terem feito uma possível campanha pró-Bolsonaro, fazendo o número 17 com os dedos, em plena campanha política.

A entidade soltou uma nota de que repudia manifestações discriminatórias, e não compactua com manifestações políticas, embora defenda o direito de expressão.

Na mesma nota, a CBV informou que tomaria providências para que não houvessem manifestações coletivas, e prontamente tirou a foto de suas redes. Portanto, esse argumento serve para ambos os lados.

A entidade pode ter se posicionado de forma mais veemente, uma vez que quem patrocina o circuito é o Banco do Brasil, estatal, e alinhado com o atual governo.

CRÍTICOS DA MANIFESTAÇÃO

Na perspectiva daqueles que se colocam contra a atleta, o fato dela ter usado um espaço que seria para promover a modalidade em um momento de tanta fragilidade. Ainda, não levando em conta o apoio estatal ao circuito brasileiro de vôlei de praia.

A CBV, deve tomar a mesma medida que anos atrás, onde defendeu o direito de expressão aos apoiadores de Bolsonaro, e cuidando para que não houvessem manifestações coletivas. Fora isso, são dois pesos e duas medidas.

Carol usou seu direito de expressão ou passou dos limites? Confesso que ambos caminham lado a lado, e muitos os confundem. Seja os que defendem lado A ou lado B.

 

Gostou de nosso conteúdo?
Então se registre em nosso canal no Youtube. Entre em nossas redes sociais Instagram e Twitter. Ainda tem nosso Chat do Telegram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Casas de Apostas
Rivalo

O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 777 reais.

1xBET

Bônus de 100% do depósito até um máximo 1200 Reais. Código Promocional para aceder ao Bônus : 1x_87120

BET365

O bônus de boas vindas da casa oferece bônus de 100%. Depósitos de valor igual ou superior a 20 reais e um máximo de bônus de 200 reais.

BETFAIR

Bônus de boas vindas é um bônus de 100% até um máximo 400 reais. Código Promocional para aceder ao Bônus: FWB200

22BET

O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 600 reais.

BETBORO

Bônus de depósito de 50% até um máximo de 500 reais. Depositando um mínimo 50 reais, você recebe 50% do valor do depósito.

NETBET

Bônus de 50% de bônus Depositou 10, recebe outros 5, 50 recebe outros 25, e assim sucessivamente até um máximo de 200 reais

BETWAY

O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 200 reais.

Ultimos Artigos