Palpites e Dicas de Apostas Esportivas Brasil e Bônus das Casas de Apostas

Sites de apostas e os prejuízos milionários pelo Corona Vírus

A cada semana que passa, os efeitos da pandemia de Corona Vírus ficam cada vez mais evidentes na sociedade em geral. Para apostadores e sites especializados, o cálculo de prejuízo é milionário, e infelizmente, sem uma estimativa de quando tudo voltará ao normal. Sem futebol, o prejuízo mensal é milionário!

Sites de apostas e os prejuízos milionários pelo Corona Vírus

Claro que o futebol é algo que está bastante fora da realidade geral da população. Cifras gigantescas são movimentadas, em diversos âmbitos deste meio. Mas é com o futebol que muitas pessoas conseguem tirar o sustento da sua família ao final do mês. Nunca lembramos que existem os funcionários de remuneração infinitamente menor, o segurança terceirizado, o vendedor de cachorro quente, o motorista de aplicativo, etc.

Sites de apostas e os prejuízos milionários pelo Corona Vírus

A falta de futebol afeta até o mais alto escalão, e chega ao nosso meio de trabalho, que são as apostas esportivas. Claro que não estamos em um patamar elevadíssimo, mas também fazemos parte da engrenagem que faz essa roda girar.Em uma matéria do site UOL, se calculou que a temporada de futebol brasileiro gira um montante que chega a 4 bilhões por temporada em apostas, com uma média de mais de 330 milhões de reais por mês.

O futebol no país foi parando aos poucos, muitos mantiveram atividades com portões fechados, que logo deu lugar a uma paralisação total. Ainda tínhamos campeonatos no Norte do país até semana passada, mas que agora também aderiram ao movimento de adiamento.

Parece supérfluo, mas com tudo isso, uma série de consequências trás para a própria sociedade. As casas perdem milhões de investimento que nós faríamos, os clubes deixam de receber milhões em patrocínios destas empresas, aqueles que dependem da renda adquirida em dias de jogos como trabalhadores autônomos, deixam de receber, e nós não conseguimos buscar nossa renda mensal.

Todos nós fazemos parte de um sistema que movimentava milhões de renda, através das casas de apostas, que hoje, infelizmente, não tem muitos eventos disponíveis.

Com futebol paralisado, apostar em que?

O futebol no Brasil praticamente não para o ano inteiro. enquanto as grandes competições ainda não tinham seu início, os campeonatos estaduais movimentavam milhões pelo Brasil. Agora, estaduais, Copa Libertadores, Copa do Brasil, Brasileiro, tudo está comprometido, e não temos sequer a certeza de que irão voltar nesta temporada.

As casas de apostas seguem funcionando, são os casos da Bet365 e da 1xbet. Mas em que apostar neste momento de escassez de esportes ao redor do mundo?

Não é só no Brasil, qualquer grande liga de futebol ao redor do mundo, suspenderam suas atividades, e milhões deixaram de ser injetados nas casas de apostas.Por vezes temos alguns eventos rolando nas casas, como futebol australiano, da Bielorrússia, e mundo árabe. São ligas de menor impacto, menor opção de mercados, e muito menos atratividade para apostadores, mas é que dispomos no momento.

Algumas partidas de exibição no tênis aparecem no modo ao vivo das casas, assim como ligas menores de vôlei e basquete. O esporte que mais tem movimentado a casa são os de corridas, de cavalos e galgos. Durante o dia tínhamos uma série de corridas disponíveis para aposta, com odds elevadíssimas, e gerando a possibilidade de entretenimento e injeção de dinheiro. No entanto, não são esportes populares, não chegam nem perto do potencial de arrecadação do futebol.

Tênis de mesa é uma opção interessante, com diversos jogos durante o dia, muitas variações de odds, e se colocando como um caminho radical a quem quer se aventurar. Mesmo assim, os efeitos talvez sejam quase irreversíveis. Assim como em grandes centros de jogos, como Estados Unidos e Europa, o Brasil vinha crescendo demais no cenário das apostas esportivas, e configurava um enorme número de adeptos deste meio.

A movimentação de dinheiro chegando na casa dos bilhões, mostra o potencial de arrecadação das casas por aqui.

Cada vez mais víamos patrocínio em competições e clubes brasileiros, tudo porque nós consumíamos muito este produto. O perigo maior, neste momento, são para aqueles que sentem uma enorme necessidade de apostar. Procuram de qualquer forma alguma coisa para colocar seu dinheiro, sem sequer saber sobre os clubes, atletas ou modalidades, apenas selecionam a opção de aposta e confirmam.

É o momento de reflexão, de se aperfeiçoar como jogador, e buscar uma evolução para o que nos espera mais à frente. Logo tudo voltará ao normal, mas devemos pensar que para termos uma melhora significativa quando os mercados voltarem, devemos ter dinheiro para investir.Vá com calma, pois todos estamos passando por um momento muito delicado, e todos temos mais a perder do que ganhar.

Gostou do nosso conteúdo ? Então se registre em nosso canal oficial no Youtube. Além disso, entra em nossas redes sociais como o Instagram e Twitter para se manter bem informado.
Um lugar perfeito para receber tudo que sai do AG é o canal no Telegram. Também no chat pode conversar com mais de 1.000 apostadores ao vivo sobre as melhores apostas. Se você procura os Pros acesse também os Tipster Profissionais.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *