Palpites e Dicas de Apostas Esportivas Brasil e Bônus das Casas de Apostas

Jorge Jesus quer salário Milionário para renovar

Jorge Jesus hoje é o treinador mais badalado do futebol brasileiro. E não é pra menos, o comandante português tem feito o time flamenguista voar em campo, conquistou títulos importantes, e mais uma vez assume o posto de time a ser batido na América do Sul. O problema é que o contrato do treinador está para acabar, seus valores são muito altos, e até mesmo a crise mundial pode ser fator determinante para a sua saída.

Jesus quer ficar, mas a vontade depende do dinheiro!

Jorge Jesus alcançou um patamar de supervalorização comandando o Flamengo. E não é algo que possa ser contestado, pelos resultados de campo, títulos conquistados, mas muito pela forma agressiva com que joga o rubro-negro.

Jorge Jesus quer salário Milionário para renovar

Não vamos ser hipócritas neste momento, mas é bem verdade que as peças que o treinador tem, lhe dá a possibilidade de colocar em campo diversos modelos de jogo, e todos eles podem ser muito competitivos.

Uma discussão que se tem no Brasil é, se algum dia o Jorge Jesus pegar uma equipe até certo ponto limitada, se conseguiria ter um desempenho regular ao menos.

É verdade que esta condição não deve fazer parte da rotina de Jesus, ao menos no Brasil. O comandante se colocou numa situação de valorização que só aceita trabalhar em equipes de ponta do cenário mundial, não jogará para lutar pelo meio da tabela ou receber qualquer salário.

Tudo isto ele tem no Flamengo: alto salário, um elenco que se coloca como franco favorito a tudo que disputa, e uma condição de adoração pela maior torcida do futebol brasileiro.

O treinador já externou se desejo de ficar (ao menos até o momento) no Flamengo, deixou claro que o forte elenco é um ponto que pesa muito para a sua permanência, mas admitiu que a pendência financeira ainda é importante. No início do mês de março, já foram agendadas reuniões entre as partes para tratar deste assunto, com uma certeza: não será um desfecho breve, e muito menos fácil.

Isto porque o treinador tem seu contrato formulado com valores em euros, moeda que disparou absurdamente em comparação com a moeda brasileira, devido à crise mundial após o surto de corona vírus.

O português tem seu vínculo com o time carioca se encerrando em maio.

E a situação do Flamengo pode se complicar, pouco tempo para negociação, clubes da Europa em fase final de temporada e já de olho em novos nomes para o segundo semestre, podem pesar contra neste momento.

Jesus se valorizou, isto é fato, e não deve ceder muito de seus valores para permanecer no Brasil. Fica nas mãos do Flamengo, se abraça a cause aceita estes valores absurdos, ou se parte para uma outra filosofia de trabalho.
Dirigentes do Flamengo já admitiram a dificuldade pela valorização do euro, e soma-se a isto, o fato de possíveis interessados no trabalho do treinador, pagarem em euro, e pagarem muito bem.

Vejo a situação de Jorge Jesus muito parecida com a de Gabriel no início do ano. Uma negociação que se arrasta até chegar ou não uma proposta do futebol europeu. Se não chegar, eles ficam, se chegar, adeus Brasil, sem olhar para trás.

Não existe amor ao clube e sim ao status e dinheiro

Nós torcedores, independente da cor da camisa ou país em que se vive, temos a ideia de que ainda existam profissionais que colocam o carinho ao clube em um ponto preponderante para a sua permanência.

Como no exemplo que dei acima, Gabriel não foi assim. O jogador esperou tanto para receber uma proposta da Europa, que atingiu um ponto embaraçoso. Quando sua expectativa foi frustrada, aceitou a oferta rubro-negra, e se declarou aos mais de 30 milhões de torcedores.

Não sejamos ingênuos, eles vão embora assim que possível, e quando estiverem por lá, lançam uma nota em uma rede social, e acabou o assunto.

Jesus admitiu que a parte financeira será determinante, e ainda disse em entrevista, que hoje pensa em ficar, mas sente saudade da família, e que daqui a dois meses pode pensar diferente. Não há garantias, não há um fator forte o suficiente para a permanência de profissionais valorizados no Brasil.

Infelizmente, somos parte de um cenário no futebol mundial que é secundário, talvez até menos. Jorge Jesus pode ficar no Flamengo, e é fundamental que ele fique para as pretensões do clube na temporada. Mas ele não vai abrir mão do dinheiro, e muito menos vai trocar uma boa proposta da Europa para ficar por aqui.

Não somos a primeira opção destas pessoas, mas quando elas ficam, acabamos tentando convencer a nós mesmos que ficaram por amor. Doce ilusão…


Outros links Apostaganha onde você pode obter mais informações exclusivas:

  • Youtube– Assista também a todos os nossos podcasts e dicas de apostas no nosso canal exclusivo.
  • Instagram e Twitter– Se gosta de outras redes sociais siga-nos também por ai.
  • Canal Oficial– Quer receber todas Dicas, Palpites, Destaques, Tutoriais, Promoções e mais?
  • Chat– Converse com mais de 1.000 apostadores ao vivo diariamente
  • Profissionais– Tips exclusivas e gratuitas no canal dos tipsters

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *