PALPITES E DICAS DE APOSTAS ESPORTIVAS BRASIL


Melhores Apostas Esportivas, Prognósticos e Bônus – Apostaganha Brasil

Federer 10 vezes campeão na Alemanha

O suíço Roger Federer, no último domingo, pela décima vez sagrou-se campeão do ATP de Halle, na Alemanha. Após a conquista do título, agora chega com força para a disputa de Wimbledon, que começa em Julho.

Federer próximo de mais um recorde

As quadras de grama da cidade de Halle já são íntimas de Roger Federer. O tenista suíço mais uma vez pode mostrar seu enorme talento e levantar o troféu do torneio alemão.

Federer 10 vezes campeão na Alemanha

Federer conquistou pela décima vez o ATP de Halle, que se tornou a competição que o suíço mais venceu na sua carreira. Em segundo lugar está o ATP da Basileia, que ele venceu em 9 oportunidades.

A final foi diante do belga David Goffin, e com uma vitória por 2-0, com parciais de 7-6 (7-2) e 6-1, venceu sem dificuldades em apenas 83 minutos.

Com mais este troféu, Federer já soma 102 títulos na sua carreira, e se aproxima de um grande recorde, de ser o maior vencedor da história do tênis mundial. Na atualidade o detentor desse posto é o norte-americano Jimmy Connors, que tem 109 títulos em sua galeria.

A disputa em Halle valeu mais que um titulo

Vencer o ATP 500 alemão pode ter significado muito para Roger Federer pelo fato de ser o maior vencedor no torneio, e se aproximar ainda mais do feito histórico de ser o maior vencedor do tênis.

Mas esse título mostra ao mundo que Federer, mesmo aos 37 anos, ainda tem muito potencial para ser competitivo nesse tipo de ambiente. O suíço precisava de uma conquista para retomada de sua confiança, após a derrota para Rafael Nadal, em Roland Garros.

No saibro, Federer naturalmente não conseguiria manter um alto nível de intensidade diante do piso favorito do adversário. Era hora então de se mostrar intenso em outro piso, e esse troféu é a prova viva que o número 3 do Ranking ainda está em alto nível.

Halle serve de preparação para Wimbledon, que também é disputado na grama. Federer se dá melhor nesse tipo de piso, aliás, é o estilo de jogo que mais o agrada.

Com isso, o próprio tenista já declarou que tende a ter uma pressão maior, por ser em teoria, seu local de maior potencial técnico.

Se no saibro o suíço não teve grande desempenho diante de Nadal, agora é a vez do espanhol tentar a sorte no ambiente mais propício a Federer. Dessa vez, no entanto, surge Djokovic como grande adversário para faturar o Grand slam.

O foco agora é em Wimbledon

A partir do dia primeiro de julho, começa o torneio de Wimbledon, o tradicional Grand Slam do Reino Unido. Federer após a conquista em solo alemão, surge como um dos tenistas mais cotados a vencer na grama britânica.

Aliás, na grama o suíço tem um desempenho fantástico, com mais de 88% de aproveitamento, anotando 181 vitórias e apenas 26 derrotas.

O próprio Federer se considera um dos fortes jogadores para esse tipo de piso: “O jogo na grama destaca minhas qualidades e talvez esconda as minhas fraquezas. Deste ponto de vista, eu posso jogar como eu quero, nos meus termos”.

wimbledon court

Federer também lembrou, que desta vez teve menos tempo de preparação para jogar no seu piso favorito. Quando abdicou de jogar os torneios de saibro, nas últimas temporadas, tinha mais tempo para treinar.

Agora vem de um desgastante torneio de Roland Garros, no saibro, e logo em seguida, já disputava o ATP de Halle. De qualquer forma o suíço é um dos prováveis jogadores a chegar nas fases finais do Grand Slam, e surge como um dos favoritos nas casas de apostas.

Para Roger Federer vencer em Wimbledon, a 1xbet paga 3.72.

Seu grande rival parece ser Djokovic, que decidiu não disputar nenhum torneio preparatório para o Grand Slam.

O sérvio atenta que a temporada de grama é muito curta, são poucas as situações que os tenistas tem contato com este tipo de piso, e seria muito melhor para ele, se preparar apenas em treinamento para Wimbledon.

Djokovic é o atual campeão do torneio britânico, e aparece como o grande favorito para levantar novamente o troféu.

A 1xbet paga 2.15 para quem mais uma vez confiar que o sérvio triunfará nas gramas de Wimbledon.

djokovic nadal

Se na temporada do saibro tínhamos Rafael Nadal como um favorito claro em relação aos demais, agora parece que Djoko mas principalmente Federer, voltaram com força para disputar o título.

Djokovic pode ter tido uma boa percepção para se preparar em um piso diferente, mas Federer voltar a disputar um torneio no seu chão favorito e mais uma vez levantar o troféu, pode ter sido o combustível perfeito para chegar no Grand slam com a confiança no seu ápice.

Teremos um grande torneio em solo britânico. Fique sempre atento aos palpites de tênis do Apostaganhabr.