Palpites e Dicas de Apostas Esportivas Brasil e Bônus das Casas de Apostas

Diego Tardelli e a crise no Grêmio

Na última semana saiu a notícia de que a relação entre Grêmio e o atacante Diego Tardelli estaria estremecida. A notícia logo foi confirmada depois de declarações de pessoas ligadas ao clube, criticando e muito as atitudes (ou a falta delas) vindas do jogador.

O acontecido não é nada novo no futebol…

Por diversas vezes tenho escrito por aqui a relação torta e turbulenta que envolve Neymar e Paris Saint Germain. Bom, claro que Grêmio e Diego Tardelli não tem o glamour ou o estrondo que causam as coisas na Europa, mas a relação com tudo o que acontece não é novidade no mundo dos boleiros.

Diego Tardelli e a crise no Grêmio

Tudo começou com o Grêmio não conseguindo ter um grande desempenho no final do ano passado, caiu na semifinal da Copa Libertadores. Renato Gaúcho convenceu o presidente Romildo Bolzan, a abrir o cofre e contratar um grande reforço.

A escolha foi por Diego Tardelli, sonho de uma dezena de clubes brasileiros a cada janela de transferências, que se encontrava na China e já não aguentava mais o nível do futebol de lá.

O atacante queria voltar a um centro competitivo, tinha propostas de Grêmio e Atlético Mineiro, mas seu desejo de voltar não bastava para satisfazê-lo, e um salário bem grande foi o que pesou para escolher o Grêmio (especula-se estar na casa de 1 milhão de reais ao mês).

A expectativa era a melhor possível, pois convenhamos, Tardelli vinha como um grande jogador, desembarcava em um dos melhores times do país, que vinha fazendo grandes temporadas e precisava de um cara diferenciado. Não tinha como dar errado, e deu.

Primeiramente, o fato de ter de se readaptar a um futebol completamente diferente do asiático. Por aqui se treina muito mais, se joga muito mais, e o Tardelli não aguentou nem o começo dos trabalhos.

Tardelli começou poucos jogos, aqueles que participou, mostrou estar muito abaixo do seu potencial, e foi quase nulo em uns 90% dos jogos do Grêmio no ano.
Diego Tardelli tem apenas 1 gol pela equipe, e até hoje, depois de 7 meses de 2019, não conseguiu “sobreviver” a 90 minutos em campo em nenhum jogo.

Tardelli triste não quer jogar…

Parece uma piada, mas é o que parece acontecer lá pelas bandas de Porto Alegre. A expectativa pela volta das atividades pós-Copa América, era muito grande. Renato Gaúcho prometia Tardelli e Luan no time.

Veio o primeiro jogo da Copa do Brasil, e Tardelli foi diagnosticado com gastroenterite e ficou de fora. Todos então, esperavam a reestreia do atacante para a partida do Brasileirão Série A contra o Vasco, e mais uma decepção, pois ele não apareceu em campo.

E pior, sequer foi no estádio para acompanhar seus companheiros em campo, mas foi flagrado em uma publicação de um estabelecimento gastronômico, bem popular da glamurosa serra gaúcha.

Se em campo a produção não vem existindo, nas redes sociais sua aparição é constante. Frases de motivação, fotos em casa de luxo, comprando casa em outro estado, e a torcida simplesmente enfurecida com tudo que vê.

Perguntados sobre o que estaria acontecendo entre Grêmio e Tardelli, o tecnico Renato Gaúcho foi claro: “depende dele, o clube chegou no seu máximo para agradar o jogador, e agora ele decide se quer ou não.”

O presidente Romildo Bolzan foi mais firme nas suas palavras, deixando claro que o jogador hoje não está 100% incorporado com os propósitos do clube: “o jogador é que tem de nos dar resposta daqui para frente.

Se quer ficar, precisa estar alinhado com os propósitos do grupo, com a busca de títulos e de desempenho. Se ele não quiser ficar nestas condições, nós não vamos segurar ninguém”.

Tardelli era realmente necessário?

Vejamos estes últimos anos vencedores do Grêmio. Basicamente teve um grupo com posto por jogadores extremamente identificados com o clube e torcida, aliados à grandes revelações de suas categorias de base, que inclusive, renderão milhões em vendas.

Tardelli já mostrou ser um grande jogador, mas até agora não vale nem metade do 1 milhão que recebe, e olha que 500 mil já é caro.

O experiente atacante não se encaixou com o modo do tricolor, não conseguiu dar resposta física e técnica, e ainda entrou em atrito com o treinador.

renato gremio

Renato falou que ele não tem físico para jogar pelas pontas, e o jogador falou que não tem o desejo de jogar centralizado ou de centroavante. Sabe quem perde com essa história toda?

A torcida, que não vê o grande investimento do seu time em campo, também não vê uma vontade dele de mostrar algo diferente disso tudo.

Fique sempre atento aos melhores bonus das casas de apostas do mercado e aposte sempre nos nossos palpites de futebol.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *