A entidade que comanda o futebol brasileiro fez uma estimativa de quando o campeonato nacional terá o seu início. A ideia é começar a competição em agosto, mesmo com algumas adversidades.

CBF E CLUBES QUEREM FUTEBOL EM AGOSTO

Na última semana saíram notícias sobre uma reunião entre a CBF e a Comissão Nacional de Clubes, para tratar de uma possível largada do Campeonato Brasileiro para o mais breve possível.

Dirigentes da entidade que rege o futebol nacional e representantes de clubes do Brasil, entraram em um acordo para que se possa ter as primeiras partidas da primeira e segunda divisões no final de semana do dia 9 de agosto (a Série B começaria dia 8 de agosto, sexta-feira).

Na pauta da reunião, muitos itens que ainda são tratados como fundamentais, porém, muito delicados. A situação do Covid-19 no Brasil ainda é bem complicada, a doença ainda não foi devidamente controlada, e isso é um empecilho para a execução deste projeto.

O Brasil é gigantesco, então naturalmente que nem todas as regiões sofrem severamente com a doença, então o primeiro passo seria que ocorressem as partidas nos locais de menor impacto.

A CBF reforça que mesmo que clubes e organizadores tenham entrado em acordo, a competição somente terá seu início com a autorização dos órgãos de saúde.

Segundo comunicado da CBF, 19 dos 20 clubes da primeira divisão se dispuseram a jogar fora de suas cidades, caso necessário. Ainda, um protocolo de segurança de saúde deve ser colocado em pauta, para que seja liberado pelos órgãos responsáveis e pelos governadores locais.

CAMPEONATO BRASILEIRO 2020 TERMINARÁ EM 2021

O calendário nacional nunca foi um forte do futebol brasileiro, e isso é conhecimento de todos. Início de ano com pouco tempo de preparação, jogos pelos estaduais, e logo já começam Copa do Brasil, Copa Libertadores, e logo em seguida, em maio, já inicia a liga.

Este ano as coisas (obviamente) ficaram piores, e todas competições (estaduais, Copa Libertadores e Copa do Brasil) foram interrompidas. Agora teremos que achar espaço para estas, e ainda conciliar com o Brasileiro.

Sendo assim, o campeonato nacional vai ter início no dia 9 de agosto, e terá seu fim no início de 2021. A Copa do Brasil também será reagendada, e a previsão de retomada é na segunda metade de agosto também.

Sendo assim, a ideia é de 2 jogos por semana até ano que vem. O problema é que os estaduais ainda são um ponto de interrogação. O campeonato carioca já voltou, mas no restante, a expectativa é para meados de julho.

As datas entram em conflito, e como o pagamento da televisão já foi pago, os clubes (principalmente os menores) querem que estes estaduais terminem em campo.

Equipes deverão ter uma rotatividade muito grande de jogadores, como já se vê na Europa, porém, a maioria com recursos infinitamente menores.

HÁ QUEM NÃO CONCORDE COM A VOLTA DA LIGA

Os clubes em geral estão completamente de acordo, até pelo motivo de não terem mais um real para entrar em caixa. Quando digo que há quem se posicione contrário a esta decisão, falo de jogadores e treinadores que ainda acham que não é a hora.

No Rio de Janeiro foi um assunto muito polêmico, onde alguns profissionais claramente se posicionaram contra. A nível nacional, um dos que se colocaram contra a decisão foi o técnico do são Paulo, Fernando Diniz, que não acha justo uma volta em agosto.

Segundo Diniz, o tempo de preparação é desigual a todos os clubes, e alguns teriam vantagens neste quesito. Claramente o treinador se refere aos times cariocas, que voltam às competições no final de junho, enquanto as demais ligas estaduais ainda precisam de autorização de retorno.

Vendo desta forma, talvez Diniz tenha razão, mas este foi um ponto específico do estado do Rio de Janeiro, e a maioria terá praticamente as mesmas condições. Por outro lado, não vejo outra saída para a CBF e clubes em relação ao momento de decidirem pela volta.

Em relação aos processos para retomada, cabe às entidades decidirem se é seguro ou não, avaliando protocolos e situações das cidades que receberão os jogos. Quanto ao período de preparação, a CBF publicou a decisão um mês antes do início, e este é um período maior até mesmo que a pré-temporada de janeiro, onde muitos clubes tem 2 semanas de trabalho.

A bola agora está em posse dos órgãos de saúde e governadores estaduais e municipais. Que seja tomada a melhor decisão, e se caso for seguro, que volte o futebol no Brasil

 

Gostou de nosso conteúdo?
Então se registre em nosso canal no Youtube. Entre em nossas redes sociais Instagram e Twitter. Ainda tem nosso Chat do Telegram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Casas de Apostas
Betfair Brasil

Bônus de boas vindas é um bônus de 100% até um máximo 400 reais. Código Promocional para aceder ao Bônus: FWB200

22bet Brasil

O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 600 reais.

Betboro

Bônus de depósito de 50% até um máximo de 500 reais. Depositando um mínimo 50 reais, você recebe 50% do valor do depósito.

Netbet Brasil

Bônus de 50% de bônus Depositou 10, recebe outros 5, 50 recebe outros 25, e assim sucessivamente até um máximo de 200 reais

Bet365 Brasil

O bônus de boas vindas da casa oferece bônus de 100%. Depósitos de valor igual ou superior a 20 reais e um máximo de bônus de 200 reais.

1xBet Brasil

Bônus de 100% do depósito até um máximo 500 Reais. Código Promocional para aceder ao Bônus : 1x_87120

Betway Brasil

O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 200 reais.