Bahia x Palmeiras Palpite

Bahia x Palmeiras – Brasileirão Série A :Bahia e Palmeiras se enfrentam em jogo válido pela sexta jornada da Série A 2020/21.

Bahia x Palmeiras – Esta partida será realizada no estádio de Pituaçu, em Salvador. Na última rodada, o Tricolor foi à Fortaleza e perdeu por 2×0 para o Ceará, caindo para a oitava posição na tabela de classificação, com sete pontos.

Já o Alviverde venceu a segunda consecutiva, desta vez no Morumbi, contra o Santos, e pulou para a quinta colocação, com oito pontos.

Na derrota por 2×0 para o Ceará, o treinador Roger Machado novamente tomou outro nó tático de Guto Ferreira.

Já havia sido assim nas finais da Copa do Nordeste, e este revés no Castelão serviu para expor ainda mais a incapacidade – ou falta de vontade – do treinador em reinventar seu sistema ou até mesmo mudar algumas peças no time titular, como tanto pede o torcedor.

O Bahia simplesmente não entrou em campo. Não conseguiu escapar da marcação pressão em linha alta do adversário e muito menos rompê-las para poder chegar ao terço final do campo em condições favoráveis de finalização.

Na escalação inicial foram feitas poucas alterações em relação às partidas anteriores, e o Tricolor de Aço jogou num 4-3-3 reativo, que visava explorar os espaços deixados pelo propositivo Ceará.

A linha defensiva que protegia o goleiro Anderson – substituindo o machucado Douglas Friedrich – foi formada por Nino Paraíba – substituto de João Pedro -, Juninho, Ernando e Zeca.

No meio jogaram Gregore, Ronaldo e Rodriguinho – um pouco mais próximo dos volantes do que na partida diante do São Paulo, por exemplo. E fechando o trio de ataque estiveram Rossi, Élber e Gilberto.

Até acho que a estratégia de Roger Machado era apostar nas transições rápidas (aquelas que visam chegar ao terço final através de poucos toques), e não necessariamente nos contra-ataques, mas seus comandados estiveram num dia ruim e o treinador resumiu bem o que foi o jogo: “Vi o time apático no jogo todo.

Vi a gente bem abaixo sobretudo no primeiro tempo. O que nos faltou foi jogar, colocar bola no chão e jogar dentro da ideia que a gente tem de jogo. A falta de jogo, entregar a bola para o adversário com facilidade, isso desgasta muito. Numa noite em que muitos jogadores tecnicamente não estão bem, o coletivo vai sofrer.

Acredito que oito jogadores carregam três que não estão em uma noite boa, mas mais do que isso o coletivo vai sofrer.” O treinador tricolor também se mostrou preocupado com a bola aérea defensiva, já que a equipe sofreu mais um gol nesse fundamento: “Isso preocupa porque a bola parada é uma variável muito forte.

A gente sofria pouquíssimos gols até então. Até agora foram três, dois de escanteio. A gente tem que analisar para corrigir esses detalhes para que não volte a acontecer”.

Livestream de Jogos ao Vivo </a

Para este próximo embate contra o Palmeiras, é possível que Roger não possa contar com o goleiro Douglas – em recuperação de dores na coxa – e nem com o lateral direito João Pedro – com incômodo no joelho.

Na vitória por 2×1 sobre o Santos, o Palmeiras de Vanderlei Luxemburgo reencontrou seu bom futebol.

Escalado num 4-4-2 de atitude propositiva, o Porco conseguiu ultrapassar as linhas de marcação do Peixe com facilidade e antes mesmo dos 20 minutos já havia finalizado mais vezes do que nas partidas contra Goiás e Athletico Paranaense.

O onze inicial contou com Weverton no gol, Marcos Rocha – teve que ser substituído ainda no primeiro tempo por conta de lesão -, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa constituindo a primeira linha defensiva, Patrick de Paula, Bruno Henrique, Gabriel Menino e Lucas LIma no meio e Rony e Luiz Adriano no ataque.

A maioria das jogadas foram construídas pelos homens de meio, mesmo que no início da partida o Palmeiras não tivesse executando a saída de 3.

Sem o recuo de Patrick de Paula, primeiro volante, ou Bruno Henrique, segundo volante, entre a linha de zaga, a tarefa dos homens mais avançados do Santos, Carlos Sanchez e Kaio Jorge, ficava mais simples, já que colavam nestes dois jogadores citados acima e não deixavam a dupla de zaga Luan e Gustavo Gómez ter com quem jogar, afinal os laterais Diogo Barbosa e Marcos Rocha estavam sendo bem marcados por Marinho e Soteldo, respectivamente.

O Verdão construiu esta vitória até com certa facilidade no meio-campo, mas não por demérito do Alvinegro, e sim por muito mérito dos atletas palmeirenses. A atuação do Palmeiras rendeu elogios do técnico Vanderlei Luxemburgo.

Em especial ao meia Lucas Lima, que foi titular mais uma vez e teve boa participação em um sistema ofensivo que vinha sendo criticado: “Nós tínhamos o time do Santos na cabeça, analisamos, passamos vídeo para jogadores, analisamos os pontos fortes.

Foi uma atuação convincente. Eu falei, vou mudar a equipe, tentar jogar na característica que é do Palmeiras, ofensividade.

E em especial eu queria falar do Lucas Lima. Falei pra ele quando acabou o jogo, para ele e para todos ouvirem: “O grande jogador do Lucas Lima está dentro dele”.

A única coisa que eu posso fazer é escalar, mas se ele fizer o que ele fez hoje, a entrega, talvez não tenha sido um jogo tecnicamente muito “esmerado”, mas a entrega dele, do primeiro minuto até o último, foi de destaque.” Vanderlei chegou a falar também sobre a não utilização da saída de 3 com um dos volantes recuando entre os zagueiros:

“Quando você sai com o zagueiro, consegue achar o lateral, que consegue encaixar, o Luiz Adriano consegue também escorar a bola para quem chega de frente. Conseguimos usar o Weverton como um jogador de ataque, de linha, abre os dois zagueiros e ele é o cara que sai com a bola.”

O Palmeiras ganhou um reforço para esta próxima partida diante do Bahia. O lateral esquerdo Matías Viña, recuperado de dores na região do quadril, participou da atividade técnica com bola, e deve ser relacionado para o jogo.

O lateral direito Marcos Rocha, o zagueiro Felipe Melo e o atacante Luan continuam no DM. Gabriel Verón e Raphael Veiga não treinaram e são dúvida.

Uma provável escalação para o jogo contra o Esquadrão de Aço tem: Weverton, Mayke, Luan, Gustavo Gómez e Matías Viña; Patrick de Paula, Gabriel Menino, Bruno Henrique e Lucas Lima; Rony e Luiz Adriano.

Aposte no Bahia x Palmeiras Brasileirão Série A na 1xbet e aproveite o bônus de 500 REAIS

Palpites e Dicas de Bahia x Palmeiras :

Conclusão: este jogo tem tudo para ser um dos mais intensos da rodada, tanto em fase ofensiva quanto em fase defensiva.

Na derrota por 2×0 para o Ceará, o Bahia não conseguiu escapar da marcação pressão em linha alta do adversário, este que é justamente um dos pontos fortes do Palmeiras de Vanderlei Luxemburgo.

Creio que o Alviverde, mesmo sem a presença de importantes jogadores, forçará erros na saída de bola do Tricolor e assim pavimentará o caminho para a terceira vitória consecutiva na competição.

PALPITE

ODD

CASA

Palmeiras DNB
1.40
Bet365

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Casas de Apostas
1xBET

Bônus de 100% do depósito até um máximo 1200 Reais. Código Promocional para aceder ao Bônus : 1x_87120

BET365

O bônus de boas vindas da casa oferece bônus de 100%. Depósitos de valor igual ou superior a 20 reais e um máximo de bônus de 200 reais.

BETFAIR

Bônus de boas vindas é um bônus de 100% até um máximo 400 reais. Código Promocional para aceder ao Bônus: FWB200

22BET

O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 600 reais.

BETBORO

Bônus de depósito de 50% até um máximo de 500 reais. Depositando um mínimo 50 reais, você recebe 50% do valor do depósito.

NETBET

Bônus de 50% de bônus Depositou 10, recebe outros 5, 50 recebe outros 25, e assim sucessivamente até um máximo de 200 reais

BETWAY

O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 200 reais.