A partir desta terça-feira teremos definições acerca dos classificados para as quartas-de-final da Copa Libertadores. Confira a situação do confronto dos brasileiros, e como chegam as equipes para as decisões.

RIVER PLATE X ATHLETICO-PR – MONUMENTAL DE NUÑES (BUENOS AIRES)

Em Buenos Aires, a dura missão para o Athletico será parar um dos favoritos a chegar à final deste ano. A primeira partida, em Curitiba, terminou 1-1, e o empate sem gols já daria a classificação aos argentinos.

O River bateu o Rosário Central, no último sábado, utilizando uma equipe praticamente reserva. Poupou seus jogadores, e mesmo assim, coletivamente teve uma atuação equilibrada e segura.

O River perdeu apenas um jogo oficial desde que retornou aos gramados na segunda metade deste ano. Os jogos mais difíceis, contra São Paulo, LDU, e Athletico, marcou gol em todos, não perdeu nenhum.

Em casa sufoca a todos, não permite tempo para uma saída de bola confortável. Com sua força máxima, a tendência é controlar a posse da bola, e dar pouquíssimas chances para os brasileiros atacarem. É um jogo quase cirúrgico do Athletico.

O Athletico perdeu para o Palmeiras, no sábado, e a equipe não tem muitas mudanças para encarar o River. Os brasileiros vão com muitos desfalques, mais uma vez.

Um surto de COVID-19 tirou 11 profissionais de combate. O goleiro Santos, o lateral Abner, o atacante Nikão estão fora. O atacante Reinaldo, expulso no primeiro jogo, também está fora. Jonathan, Vitinho e Marcio Azevedo estão lesionados, além de Richard e Carlos Eduardo ainda serem dúvidas.

A situação do Athletico é caótica. E terá que marcar um gol, obrigatoriamente. O problema é que se expõe demais quando precisa ser agressivo. Dos últimos 10 jogos como visitante, sofreu gol em 8 oportunidades, e perdeu 6 vezes no período.

Analise dos jogos de volta das oitavas da Libertadores

SANTOS X LDU – VILA BELMIRO (SANTOS)

O Santos arrancou uma vitória da LDU, em plena altitude. O triunfo por 2-1 dá ao time brasileiro a oportunidade de avançar até mesmo com um empate, e obriga os equatorianos a se expor ainda mais para buscar a vaga.

Essa temporada serve para o Santos surpreender a todos. Quando tudo indica um jogo duro, e uma tendência de derrota, o time consegue ser competitivo e vence o jogo.

São duas vitórias seguidas (4-2 no Sport, no sábado), 6 gols marcados, e muita verticalidade quando retoma a posse de bola. Com essa perspectiva, atuar diante dos equatorianos, que não são sólidos defensivamente, e precisando fazer gols para avançar, imagina-se que os
donos da casa terão espaço para correr.

E esse é o melhor cenário, para um time que joga muito pelos corredores laterais, com uma ótima transição ofensiva. O time santista venceu 4 dos últimos 5 compromissos em casa.

Perdeu apenas uma vez nos últimos 12 jogos na Vila, e na temporada sofreu apenas uma derrota com um placar que o eliminaria nesta disputa (1-3 diante da Ponte Preta, ainda pelo Paulista, e com o antigo treinador).

O cenário para a LDU é péssimo. O retrospecto longe da altitude indica que sofrerá defensivamente, e ainda assim, precisará ser agressiva para buscar a vaga. Obrigatoriamente terá de marcar dois gols, pois o 1-0 classifica o Santos.

Na Copa Libertadores fora de casa, venceu apenas o fraquíssimo Binacional, por um magro 1-0. Para São Paulo e River, sofreu um duplo 3-0, mostrando toda sua fragilidade.

É um time que propõe um jogo veloz, de pouca marcação, e muita correria. Cenário ideal para o Santos. Desde agosto, atuou 12 vezes fora de casa, e em apenas 2 jogos não sofreu gol.

Tendência de um jogo dinâmico e de muito espaço, principalmente para o Santos.

SANTOS X LDU – VILA BELMIRO (SANTOS)

FLAMENGO X RACING – MARACANÃ (RIO DE JANEIRO)

Após o empate em 1-1 no primeiro jogo, o Flamengo pode passar de fase até com um empate sem gols. Quem vencer avança, e um novo 1-1 leva a decisão para os pênaltis.

O rubro-negro teve seu jogo do final de semana adiado, e com isso, teve uma semana para descansar e se preparar para este jogo. O centroavante Pedro é quem tem melhores chances de jogar, e Gabriel pode ficar de fora.

A fase não inspira muita confiança. Tem apenas uma vitória nos últimos 6 jogos, e nos últimos 15 jogos não sofreu gol apenas uma vez. Rogério Ceni ainda se adapta ao clube, sabendo que precisa ser agressivo, mas ajustar a defesa urgentemente.

O Flamengo vai atacar, isso é certo. Terá supremacia na posse de bola, e rondará a área dos argentinos a todo momento. O problema são as transições, que é motivo de muita dor de cabeça. Além disso, fragilidade na bola aérea defensiva no primeiro jogo, foi um sinal de alerta.

Após um período de forte crise, o Racing conseguiu passar dois jogos sem derrota. Venceu o Union Santa Fé, por 1-0, no último sábado. Mesmo assim, é provável que não tenha a mesma postura agressiva do primeiro jogo.

É uma equipe de força bruta, e menos técnica. Muito competitiva para marcar, e usa muito a bola alta para agredir o adversário. Joga muito pelos lados do campo, e deve ser perigoso nos contra-ataques.

Na Libertadores venceu todos os jogos fora de casa, mas nenhum dos adversários se compara ao Flamengo. Desde setembro jogou 10 vezes, venceu 4, perdeu 5, e empatou uma vez.

FLAMENGO X RACING - MARACANÃ (RIO DE JANEIRO)

PALMEIRAS X DELFIN – ALLIANZ PARQUE (SÃO PAULO)

Preciso escrever sobre este jogo? É uma classificação encaminhada do time brasileiro, que venceu o primeiro jogo por 3-1, e pode até perdeu por 2-0 em casa, que ainda assim, avança.

O Palmeiras evoluiu bastante sob o comando de Abel Ferreira. Se tornou efetivo, o que não vinha sendo nesta temporada. Objetivo quando recupera a bola, essa seria a principal característica desse momento do time.

Mesmo com muitos desfalques, mantém um time competitivo, e vem sobrando nos jogos que tem feito. Desde a estreia do treinador, são 6 vitórias, 1 empate e apenas 1 derrota.

O time pode ser alterado para este jogo, visando a sequência no brasileiro. Mesmo assim, deve vencer mais uma vez o Delfin, que não mostra nenhuma resistência defensiva.

Em casa são 6 vitórias consecutivas, com 17 gols marcados e nenhum gol sofrido. É um time intenso, e vertical, e muito provavelmente terá a chance de aplicar mais uma vitória tranquila.

O Delfin, em casa, mostrou que não consegue ser agressivo e equilibrado defensivamente. No final de semana venceu o Del Valle, pela liga nacional. Mas para este jogo, terá de marcar 3 vezes se quiser a vaga.

Não vejo a menor possibilidade de ser ofensivo, e não dar espaço para a transição do Palmeias. Jogo para gols, mais uma vez. E só não será assim, se o Palmeiras não quiser.

INTERNACIONAL X BOCA JUNIORS – BEIRA-RIO (PORTO ALEGRE)

INTERNACIONAL X BOCA JUNIORS – BEIRA-RIO (PORTO ALEGRE)

Este ainda será o jogo de ida desde confronto, uma vez que a partida da semana passada foi adiada, devido ao falecimento de Maradona.

De lá pra cá, o Inter não evoluiu absolutamente nada. Segue em uma queda técnica assombrosa. É um time que cria muito pouco, lento nas
transições, e que em nada se parece com a equipe treinada por seu antigo treinador.

Em jogos à frente do Inter, Abel Braga tem apenas uma vitória, um empate e três derrotas. Neste período, em 3 jogos o Inter não marcou, e em todos estes, foram pouquíssimas chances criadas.

O Inter virou um time pragmático, e com jogadores além de passarem por uma fase técnica muito ruim, vem psicologicamente abatidos. Terá muita dificuldade neste jogo.

O Boca no confronto de 180 minutos é favorito em casas de apostas como a 1xbet. A questão é qual a postura dos argentinos para este jogo. Uma tendência é de time que diminui muito a velocidade de jogo do adversário.

Defende bem, muitas vezes com duas linhas de 4 jogadores, e dificulta transições do rival. Para o Inter, que é um time pouco criativo, que não tem armador, e precisa de espaço para acelerar jogada, principalmente com Edenílson e Patrick, este é o pior adversário.

Pela Libertadores, desde setembro, venceu 3 vezes e empatou uma, e não sofreu um gol sequer. Cenário desfavorável ao Inter.

GRÊMIO X GUARANÍ - ARENA DO GRÊMIO (PORTO ALEGRE)

GRÊMIO X GUARANÍ – ARENA DO GRÊMIO (PORTO ALEGRE)

O Grêmio encaminhou a classificação no primeiro jogo, ao bater o Guarani por 2-0, em Assunção. Com isso, o tricolor pode até perder por 1 gol de diferença, que avança.

Para este jogo o importante é entender que o técnico Renato Gaúcho tem colocado força máxima (ou quase) pelo Campeonato Brasileiro. Nesta segunda-feira o Grêmio joga com o Goiás pela liga nacional com a real possibilidade de todos os titulares estarem em campo.

Com isso, o time que jogará na quinta-feira pode ter algumas alterações, e fazer um jogo de administração contra o Guarani. É bom lembrar que a maior arma do Grêmio nos últimos jogos tem sido a transição, e vai esperar os espaços dados pelos paraguaios.

Pode acontecer, mas não acredito em uma agressividade desde o início. Vai ter chances sim, pois o Guarani dá espaço e precisará atacar.

Cenário perfeito, mas não aposto em uma vitória. Entenda, acredito que possa acontecer, mas pela necessidade, pelo possível time misto, não acho que tenha valor.

O Guarani faz uma campanha ruim no campeonato paraguaio, e contra adversários mais fortes pela Libertadores também não foi eficaz.

É um time que é muito mais perigoso quando se coloca defensivamente e aposta nos erros do adversário. Não terá essa arma em Porto Alegre, pois precisará marcar ao menos 2 gols para levar o jogo aos pênaltis.

Com isso, este jogo reativo não acontecerá e os espaços serão dados para uma equipe que joga em velocidade, principalmente pelas pontas.

Vejo neste jogo a possibilidade real de gols mas não gosto de apostar na Vitória do Grêmio favorito na Bet365.

 

Gostou de nosso conteúdo?
Então se registre em nosso canal no Youtube. Entre em nossas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. Ainda tem nosso Canal do Telegram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Casas de Apostas
3,5 rating
Bônus de 100% do depósito até um máximo 200 Reais, mais Freebet de 50 Reais.
3,5 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 650 reais.
3,3 rating
Não tem bônus de Boas vindas para a apostas esportivas online.
3,5 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 150% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 150 reais.
3,8 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 200 reais.
4,0 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 600 reais.
3,8 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 200 reais.
3,3 rating
Bônus de 100% sobre o valor do seu depósito até um máximo de 200 reais.
Código Promocional para aceder ao Bônus: BR200
3,3 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 777 reais.
5,0 rating
Bônus de 100% do depósito até um máximo 1200 Reais. Código Promocional para aceder ao Bônus : 1x_87120
5,0 rating
O bônus de boas vindas da casa oferece bônus de 100%. Depósitos de valor igual ou superior a 20 reais e um máximo de bônus de 200 reais.
3,3 rating
Bônus de boas vindas é um bônus de 100% até um máximo 400 reais. Código Promocional para aceder ao Bônus: FWB200
3,5 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 600 reais.
3,5 rating
Bônus de 50% de bônus Depositou 10, recebe outros 5, 50 recebe outros 25, e assim sucessivamente até um máximo de 200 reais
3,5 rating
O primeiro Bônus de boas vindas é um bônus de 100% sobre o valor do seu depósito inicial até um máximo de 200 reais.